Perfil

Charles A. Perrone (Org.)

É professor titular de português e de literatura /cultura luso-brasileiras no Departamento de Espanhol e Português da Universidade da Flórida. Pertence ao Centro de Estudos Latino-Americanos, onde dirige a especialização em Estudos Brasileiros. Doutorou-se (1985) pela Universidade do Texas em Austin. Fez mestrado (1976) na Universidade da Califórnia em Irvine. Seguiu o curso de graduação (1969-73) em Literatura na Universidade da Califórnia, Santa Cruz. Foi bolsista-pesquisador da Comissão Fulbright no Brasil em1991, como professor, e em 1978-79, como estudante. As principais publicações dele são Brazil, Lyric, and the Americas (Florida, 2010); Seven Faces: Brazilian Poetry Since Modernism (Duke, 1996); Masters of Contemporary Brazilian Song: MPB 1965-1985 (Texas, 1989), além de Letras e Letras (da Música Popular Brasileira) (1988, 2008). Organizou as coletâneas Brazilian Popular Music and Globalization (Florida, 2001), com Christopher Dunn, e Crônicas Brasileiras: a Reader (Florida, 2014), com D. Borim e C. Bianconi. Traduziu Táxi ou poema de amor passageiro de Adriano Espínola (Taxi or poem of love in transit, 1992) e fi cção de Regina Rheda (First World Th ird Class and Other Tales of the Global Mix, Texas, 2005). Como supervisor de tradução participou do projeto Outras praias: 13 poetas brasileiros
emergentes / Other Shores: 13 Emerging Brazilian Poets (São Paulo,1998), entre outros vários projetos. No conjunto de choro da faculdade toca cavaquinho.