Especialista documenta espetáculos circenses e histórias de palhaços de diferentes regiões brasileiras

Circos e palhaços brasileiros, lançamento do selo Cultura Acadêmica, oferece, em formato de catálogo, uma documentação iconográfica e escrita de alguns circos brasileiros e seus trabalhos. No período compreendido entre outubro de 1997 e julho de 2000, o autor, Mario Fernando Bolognesi, visitou circos de diversas regiões do país com o objetivo de documentar parte dos circos brasileiros e os diversos momentos dos palhaços, dentro e fora do picadeiro, além de resgatar o repertório cênico dos personagens, envolvendo reprises, entradas, esquetes, comédias e dramas. As várias faces do circo brasileiro são representadas na obra, envolvendo basicamente os recursos materiais dos circos, bem como o papel dos palhaços sob a lona, sejam eles palhaços que tiveram seu aprendizado no circo-teatro, os chamados palhaços de palco ou os tapas-buracos dos circos grandes. A obra visa também destacar o papel do palhaço nos espetáculos dos pequenos circos, assim como as quantidades e qualidades do repertório encenado e as opiniões dos artistas acerca da profissão. Em Circos e palhaços brasileiros, o leitor dispõe de 38 capítulos, cada um deles destinado a um circo, no qual Bolognesi descreve partes do espetáculo que assistiu e, também, várias das entrevistas que fez com os palhaços, bem como seu registro fotográfico. A amostragem apresentada é suficiente para identificar as diversas modalidades de espetáculos daquele período. Além das habilidades circenses, o autor registrou também shows musicais, teatro (nas modalidades drama, comédia, esquetes, chanchadas entre outras) e tourada. De acordo com Bolognesi, Circos e palhaços brasileiros é uma obra que não se encerra, tendo como objetivo ser documental e procurando registrar o real estado dos espetáculos desenvolvidos em lonas circenses. Entretanto, abre espaço para que o panorama aqui apresentado se amplie, dando oportunidade para que novas tendências circenses sejam experimentadas. Bolognesi é também autor de Palhaços, publicado pela Editora Unesp em 2003, que estuda a arte do palhaço tal como ela é no circo nacional, tomando como base a dramaturgia, a interpretação e a encenação. Sobre o autor – Graduado em Filosofia pela Unesp (1978), mestre (1988) e doutor (1996) em Artes/Teatro pela Universidade de São Paulo, livre- docente em Estética e História da Arte pela Unesp (2003). Professor Adjunto do Instituto de Artes da Unesp, câmpus de São Paulo. Experiência na área de Artes/Teatro/Circo, com ênfase em estética, encenação, interpretação e dramaturgia, atuando principalmente nos seguintes segmentos: circo brasileiro, palhaços, comédia e cômico circenses.

Estudo sobre Cecília Meireles resgata expressão lírica feminina na América Latina

8 de novembro de 2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *