Ver mais detalhes

Movimentos da hesitação: deslizamentos do dizer em sujeitos com Doença de Parkinson

Hesitações são bastante frequentes no discurso de parkinsonianos e seriam decorrentes, para a literatura biomédica, de aspectos orgânicos alterados pela doença. Os autores, porém, se questionam: seriam os aspectos orgânicos os únicos a explicarem sua ocorrência no discurso de parkinsonianos? Baseados na Linguística, campo no qual as hesitações são vistas como um fenômeno presente em qualquer condição de uso da linguagem, os autores procuram demonstrar que o funcionamento das hesitações no discurso de parkinsonianos supõe não apenas a ação dos aspectos orgânicos, mas, também, dos aspectos linguístico-discursivos da linguagem.

Formatos

, ,

Ano

Dimensões

Páginas

Edição

ISBN

Autor

Lourenço Chacon (Autor)

Coleções

PROPG