Ver mais detalhes

Geografia das telecomunicações no Brasil

A sociedade experimenta no período técnico atual transformações profundas advindas, sobretudo, do uso crescente dos serviços de telecomunicação e das tecnologias de informação que redirecionam, em diversos sentidos, os processos de acumulação, ampliação do capital, mas também das redes de articulação e gestão territorial. Em termos metodológicos e práticos, de um lado, observa-se empiricamente uma crescente incorporação das tecnologias da informação e telecomunicação na produção econômica e dos bens materiais e, de outro, se verifica a intensificação do fenômeno da desigualdade, complementaridade, antagonismo entre es paços dotados de maior densidade técnica e outros com menor carga de infraestrutura material e inovação.  Assim, da mediação entre o Estado e o poder privado na utilização do território surgem conflitos, simbioses e apropriações que precisam ser mais bem estudadas na Geografia. Com isso, a análise das empresas privadas de telecomunicação é tomada como fio condutor e objetivo maior para a leitura espacial dos segmentos de televisão por assinatura, telefonia celular e internet, no momento em que o Brasil passa por diversas transformações socioespaciais, com a ampliação da densidade técnica territorial, no período recente, neste livro que pretende trabalhar tais temas na concepção de uma nova regionalização do país por meio da análise da Geografia das Telecomunicações.

Formatos

, ,

Ano

Dimensões

Páginas

Edição

ISBN

Autor

Paulo Fernando da Silva (Autor)

Coleções

PROPG